• Cátia Almeida

Mulheres Empoderadas! - Maria Furtado Cunha



Esta semana entrevistei a Maria Furtado Cunha, fundadora da marca cheia de amor próprio Maria.bodyline! Quem é que já conhece os seus bodies mega giros?

- Como surgiu a ideia de criares a marca Maria.bodyline?

A ideia surgiu de um sonho que tive quando ainda estava na faculdade em 2013. No sonho estava a usar um body preto com as costas abertas e mangas 3/4 com umas calças de ganga, quando acordei andei maluca à procura do outfit mas nunca consegui encontrar o body e então surgiu a ideia "porque é que eu não crio uma marca de bodies".


Na altura a ideia não andou para a frente porque estava acabar o curso de arquitetura e depois precisei de uma pausa e fui viver 4 meses para Nova Iorque. Quando voltei da melhor experiencia da minha vida vim com a força toda e em Fevereiro de 2014 tornei aquele sonho em realidade. Nunca tinha desenhado roupas na minha vida mas num instante completei um caderno com ideias e fiz o logotipo.


Todos os bodies desenhados fixei na parede do meu quarto, chamei as minhas amigas e cada uma escolheu aquele que gostava mais. Dei o nome das minhas amigas aos bodies e quis que cada um representasse as suas personalidades e o que mais admirava nelas.


Hoje procuro inspirar mais na superação pessoal e por isso inspirei-me no renascer de uma fênix - é o sonho que nos mantém vivos, é o acreditar no impossível que faz realizar sonhos é o renascer que não nos deixa nunca desistir de lutar.


Renasce todos os dias, transforma-te todos os dias , revolta-te e cria uma guerra de amor e paixão contigo mesma para então libertares-te de todos os preconceitos, julgamentos e medos que não te deixam voar. Nunca desistas e uma coisa é certa és tu que escreves a tua história!!!

- Qual foi ou é o teu maior desafio como empreendedora?


Foram muitos na verdade e acho que todos os dias aparece um ou mais diferentes. Mas talvez ganhar coragem e força para fazer renascer a marca em 2019. Ouvi muitos nãos e que não era capaz ou que não valia a pena. Mas fui contra tudo e todos e aqui estou eu outra vez :)

- Qual foi a conquista que fizeste que te deixa mais orgulhosa?

A Campanha "Eu Amo-te mas" foi sem dúvida uma conquista que me deixa muito orgulhosa pelo impacto que teve e pelo significado que esta campanha tem para mim.

- Qual é aquele conselho que gostavas de ter recebido ao início?

Não é fácil e o sucesso não será instantâneo mas se tiveres foco um dia tudo será como idealizaste.

- Qual é o teu conselho para outras empreendedoras ou mulheres que pensam começar agora o seu próprio negócio?

Para mim o mais importante é terem paixão naquilo que fazem, muito foco, persistência e determinação. Se têm um sonho devem lutar até ao fim e por mais nãos que oiçam ou que não são capazes nunca devem desistir porque do vosso sonho só vocês vão saber como torna-lo realidade. Uma coisa também importante e que tenho aprendido ao logo deste percurso é que devemos rodearmo-nos das pessoas certas, aquelas que puxam o melhor de ti, que te ensinam mais e mais e que lutam contigo nesta batalha como se também fosse delas. Acredita no teu sonho e por mais que pareça impossível arranja força porque quando o sonho se torna realidade é das melhores sensações do mundo!!!

Site Maria.bodyline: www.mariabodyline.pt

Instagram: @maria.bodyline