• Cátia Almeida

O Manifesto das mulheres solteiras

Dizem que hoje, dia 11 de Novembro, é o dia dos solteiros e é uma data comemorativa que vem da China. É precisamente dia 11.11 pelo simbolismo do nº 1 em representação de uma só pessoa.


Vou aproveitar a ocasião para falar sobre aquele que é um cliché da nossa sociedade. Existe a ideia errada de que quando estamos solteiras é porque não encontramos ninguém mas estar solteira não é a mesma coisa que estar só.


Associam o estarmos solteiras a sentimentos de tristeza, solidão e às vezes ainda nos incutem que é por nossa culpa - quem nunca ouviu alguma frase do género «com esse feitio é normal que não arranjes ninguém!».


Pois estas ideias não podiam estar mais erradas e hoje escrevo um Manifesto a todas as mulheres solteiras que o são porque:


🤍 Sabem perfeitamente o que querem e não se contentam com menos;

🤍 Também sabem perfeitamente o que não querem e por isso não se precipitam em relações só porque sim;

🤍 Sabem o seu valor e não precisam de procurar validação externa em ninguém;

🤍 Sabem que são um ser completo e não precisam de procurar a sua metade noutra pessoa;

🤍 Estão felizes sozinhas porque sabem apreciar a sua própria vida;