top of page

5 conteúdos de uma página de produto que converte

Existem vários pontos essenciais que podes trabalhar na tua página de produto para que esta seja mais apelativa e efetiva a concretizar vendas. Hoje trago-te aqueles 5 que eu considero mais importantes e que podem fazer a diferença entre uma cliente indecisa e uma cliente que vai comprar.


Já tens o teu site online, lindo e perfeito, pronto para vender mas simplesmente parece que, por alguma razão, as vendas não estão a surgir com a frequência desejada.


Uma das razões para isso acontecer pode estar relacionada com alguns pontos na tua página de produto que, embora a teu ver esteja esteticamente bonita, na verdade pode não estar desenhada para converter as visitas em vendas.


Então, como podes otimizar as tuas página de produto para converter mais?


Vamos analisar uma página de produto da Vanilla Vice e ver cada uma das 5 secções que eu considero mais importantes, clica na imagem abaixo e abre-a num novo separador:


página de produto na Vanilla Vice

1- Título


O título é muito importante porque é ele que vai descrever de forma simples o produto. É também um elemento essencial na estratégia de SEO do teu site por isso deve ser claro, de acordo com o produto e conter as palavras-chave certas.


Começa por dar um nome ao artigo (No Bra Club), colocar o tipo de produto (t-shirt) e idealmente alguma característica extra (oversized). Imagina como é que alguém iria pesquisar o teu artigo no google e cria um título com esse parâmetro em mente.


Por exemplo: vendes um vestido estampado com flores. Para que seja facilmente encontrado pelos motores de pesquisa, o melhor é acrescentares uma característica e dares um nome que tenha a ver com o mesmo: «Flower Power - Vestido Curto Estampado»


O nome do produto pode ser apenas descritivo mas geralmente eu gosto de dar um nome apelativo e que esteja de acordo com o branding da minha marca, para dar mais personalidade aos artigos. Por essa razão, os artigos na Vanilla Vice podem chamar-se «Brincos Bossy Mood» ou « Vibrador That's Hot» ;)



2- Fotos & Vídeos


Um artigo com várias fotos vende muito mais do que com uma só, por isso o ideal é ter entre 4 a 10 fotos e vídeos. Usa sempre fotos de qualidade, com luz e boa definição e originais. Mesmo que vendas artigos de outras marcas que já tenham imagens prontas para usares, tenta acrescentar fotos tiradas por ti e alinhadas ao teu branding, para te destacares da concorrência e trabalhares uma imagem coerente da tua marca.


Existem vários tipos de fotos que podes usar:


✔ Fotos de lifestyle - aquelas onde estás a usar o produto ou, em caso de objetos, quando estão inseridos num contexto visual. Geralmente recorre-se à combinação de elementos decorativos para complementar as fotos:


✔ Vídeos ou GIFs - usa vídeos ou GIFs para destacar o teu produto. Os vídeos convertem bastante e são uma ótima forma de mostrar o produto em uso:



✔ Individual Shots - estas são aquelas fotos do produto sozinho, geralmente recortadas em fundo branco. Além de darem uma nova perspetiva ao produto, ajudam a trazer profissionalismo à tua marca:



3- Descrição


Esta é uma secção bastante importante, já que serve vários propósitos. As descrições devem ser o mais completas possível, sem erros ortográficos e na linguagem da tua marca. Evita colocar apenas «Jarra de cerâmica» ou «Anel em aço inoxidável», além de não acrescentar valor ao teu produto também não cria desejo de o comprar. Quanto melhor for a tua descrição, mais hipóteses tens de vender!

Além disso todo o texto da descrição conta para trabalhar o SEO do teu site por isso usa palavras-chave desse produto ao longo do mesmo, de forma a que o teu artigo seja facilmente encontrado pelos motores de pesquisa como o google.


Para uma descrição perfeita, sugiro que a dividas em diferentes secções:


✔ Descrição emocional - esta é aquela descrição que conversa com as tuas clientes. É baseada em storytelling, onde crias uma história para o teu produto e o descreves de forma mais criativa;


✔ Descrição técnica - aqui é onde vais colocar todos os detalhes técnicos e as características do teu produto: composição, dimensões, materiais, onde foi produzido, cor, etc.;


✔ Outras informações - além das descrições de cima, acho que é altamente vantajoso colocar outras informações relativas à compra e que possam ajudar a cliente a decidir melhor, como métodos de pagamento, prazos de entrega ou informação sobre trocas e devoluções.


4- CTA


Neste caso o CTA (Call to Action) é aquilo que vai efetivamente concretizar o próximo passo: adicionar o artigo ao carrinho. Numa página de produto, este botão deve estar destacado e deve ser fácil de localizar, ou seja, o mais óbvio possível!


Cria um botão de "Adicionar ao Carrinho" ou "Comprar" com uma cor contrastante (nada de o colocar na mesma cor do fundo ou meio transparente) e deixa-o num sítio bem visível, logo ao lado do produto.


Eu sei que parece óbvio mas há realmente muitos sites onde tens de andar à procura do botão de comprar ou em que o mesmo até passa despercebido e isso nunca facilita o processo de compra.


5- Reviews ou fotos de clientes


Por último, deixo aqui uma secção que também é muito importante adicionares à tua página de produto: a prova social. Aqui podes colocar uma aplicação que permita às clientes fazer reviews do produto ou podes simplesmente fazer como eu e colocar um álbum com fotos enviadas pelas tuas clientes ou até mesmo de influencers a usar os teus produtos. Esta secção pode ser aquela ajuda final para que a cliente se decida a comprar, pois transmite confiança e segurança.


* * *


E voilá! Aqui estão os ingredientes mágicos para uma página de produto completa e eficiente, cujo objetivo é trabalhar o branding da tua marca e converter visitas em vendas. Agora é só colocares a mão na massa e começares a alinhar as tuas páginas com estas dicas para alcançar melhores resultados, vamos a isso?


 

Guarda este Pin no teu Pinterest para quando quiseres voltar a ler :)



Comentarios


bottom of page